...será que você seria capaz de se esquecer de mim, e, depois e depois, sem querer, sem saber, continuar gostando?



Guimarães Rosa

2 comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!