"A gente nasce e morre só.

E talvez por isso mesmo é que se precisa tanto de viver acompanhado”.



Raquel de Queiroz
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos!